sexta-feira, 3 de junho de 2016

Concurso Musa Afro Plus

Boa tarde divas negras! Está interessado em ser a Musa Afro Plus? Você precisa: ter entre 18 e 50 anos, usar manequim acima de 46, se declarar negra, ter concluído ou estar cursando o ensino médio, estar em dia com suas responsabilidades eleitorais e civis.
Todas que desejam participar deverão mandar suas fotos para a organização do evento, onde serão submetidas a uma avaliação pela equipe do concurso, analisando sua fotogenia. As candidatas selecionadas terão autorização para realizar sua inscrição. As fotos serão enviadas para o e-mail: “musaafroplus@gmail.com” com os dados da participante e 02 (duas) fotos anexadas, em boa resolução, de preferência profissionais: uma de rosto, uma de corpo inteiro e uma em traje de banho de pé.


Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha iremos realizar o 1° Concurso Musa Afro Plus que exalta a beleza da mulher negra e gorda. E com o propósito de valorizar a beleza e desenvoltura da mulher negra e gorda, propiciar o lazer e congraçamento à população e ultrapassar as barreiras do preconceito, movimentando assim o mercado plus size, damos inicio ao 1º Concurso de Beleza “Musa Afro Plus” o qual tem como objetivo ir de encontro ao novo cenário da moda e promover a auto-estima e beleza da mulher gorda e afro descendente, exaltando-a. Libertando assim de discriminações e estereótipos produzidos erroneamente pela sociedade. Afirmando que a mulher gorda, além de ter curvas voluptuosas herdadas de suas misturas de raças, possui também charme, bom humor, elegância, inteligência e sonhos como toda mulher.

Olá Divas que desejam participar deverão mandar suas fotos para a organização do evento “musaafroplus@gmail.com” com os dados da participante e 02 (duas) fotos anexadas, em boa resolução, de preferência profissionais: uma de rosto, uma de corpo inteiro e uma em traje de banho de pé. As candidatas selecionadas terão autorização para realizar sua inscrição.

Apesar de corresponder a 53% dos brasileiros, a população negra ainda luta para eliminar desigualdades e discriminações. São cerca de 97 milhões de pessoas e, mesmo sendo a maioria, está sub-representada na mídia e em outras esferas. Em se tratando do gênero, o abismo é ainda maior. Apesar da baixa representatividade de Mulheres Negras na política e em cargos de Poder e de decisão, cada ascensão deve ser comemorada como reconhecimento. E no mundo da moda isso não é diferente, pois observamos que a maioria das modelos que se destacam em passarelas e concursos de beleza e de misses são em sua maioria de cor branca. Existindo sempre a exclusão de mulheres negras do cenário da moda.

Curta no Page/musaafroplus

InformaçãoPaulo Arcanjo